terça-feira, 8 de agosto de 2017

Vazios

Teu silêncio sulca meu rosto, 

Tua frieza congela a minha alm, desgasta meu sorriso e cansa os meus olhos.

Tua secura resseca minha pele, Fadiga meus olhos e corta meus lábios.

Sem você a minha alegria fica despedaçada, meus sonhos se tornam pesadelos e Minha voz fica muda.

Tua ausência muda minha rota, estraga meus caminhos, queima minhas flores e 

Desertifica minha geografia.

A viagem mais recente

O tempo....