quinta-feira, 23 de março de 2017

É...

As luzes continuam acesas, 
As mentiras sobre a mesa,
As certezas conservadas na geladeira,
E as dúvidas requentadas na cafeteira.

Os pés sujam os tapetes que escondem segredos.
Os recados ficaram largados sob a janela aberta,
A chuva tentou apagar a mensagem,
Mas as palavras rabiscadas são resistentes
E continuam narrando a realidade.

Os olhos procuram não ver,
Que os lindos caminhos estão rodeados de inverdades.
O que passou ficou registrado.
A memória finge esquecer
O que o coração sempre irá se lembrar.

A viagem mais recente

O tempo....