terça-feira, 17 de novembro de 2015

A tragédia e o telespectador.

Estou absolutamente chocada com essas pessoas que "condenam" um avatar com as cores da bandeira da França. 
Relativizar tragédias é sinalizar o tamanho da sua ignorância, é puro egoísmo.
Não existe tragédia pior ou melhor. Tudo é a mesma desgraça.
O problema é que não se respeita o direito alheio, e as redes sociais servem de taco para acertar a cabeça daqueles que não concordam com os radicais de sofá.
Torço pela França porque gosto do país. Gosto da forma que eles vivem e se preocupam com o coletivo. Lá é tudo limpo e organizado. Não tem lixo nas ruas e nem garrafas jogadas pelas janelas de veículos.
O que acontece lá foi um ato de ódio ao quê? A quem estava no restaurante?

A lama que cobriu Mariana/MG, poderia ter sido evitada pela empresa, que tem como sócia, o governo. Não foi um maluco que explodiu a barragem em nome de Deus.

As tragédias de Paris, NY, Siria, Líbano, etc, não podem ser evitadas, pois há séculos os extremistas tentam manter o controle por meio da religião. Pregam o ódio e caçam os "infiéis". Eles estão sempre dispostos a se explodirem para alcançar o paraíso e as virgens que por lá se encontram.

Para você que reclama do meu Avatar francês, eu pergunto: - já fez as malas para ajudar a retirar a lama das ruas de Mariana e resgatar o que possa ter sobrado para devolver aos donos?

Já abriu a porta da sua casa para uma criança suja ou um cachorro abandonado e ofereceu banho, calor humano e comida?

Já fez suas malas e partiu para a Síria, ou para a África, com a intenção de ajudar sem ganhar nada em troca? O que você faz pelo seu país a não ser reclamar sentado na frente do computador, no bar ou indo, de vez em quando, a uma manifestação?
Você sabe o que é o ódio movido à uma crença que subjuga mulheres e impõe analfabetismo às meninas?

Você que condena meu avatar, já parou para pensar que está, talvez sem perceber, disseminando ódio também?
Se eu já fui aos lugares que perguntei?

Não. Por pura falta de oportunidade e de dinheiro. Afinal, a presidente desse país de merda, de gente egoísta, que não sujou o pé na lama de MG, tirou a empregabilidade de milhares de pessoas, inclusive a minha, para acomodar indicados e dar espaço à corrupção.

Mas se você, que condena as pessoas que se solidarizaram com as vítimas dos enviados de Alah a Paris, quiser fazer uma campanha para me levar com algumas centenas de garrafas de água até Mariana, ou até o sertão nordestino, que você não se lembra, mas passa sede, eu irei com gosto.

Se não, pare de criticar e balance seu rabo para ajudar ao menos as crianças pobres que estão ao seu lado, e você não enxerga, porque está preocupado com a vida e com o avatar no facebook dos outros. 

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Seca


Secou,
Já não choro mais.
Eu não sabia, mas a vida ensinou.
Perder tempo é a pior das perdas.
O hoje não tem mais o cheiro do ontem.
A estrada continua,
Ainda tenho pernas,
Dentes e sementes.
Não tenho lágrimas,
Ainda bem!
Não tenho dores,
Amém!
Não me tornei deserto,
Nem céu sem estrelas.
Sou a menina que era pedra 
E agora é flor.

A viagem mais recente

algumas notas