terça-feira, 23 de dezembro de 2008

My soul

Dobram-se os sinos de natal e
Ressoam belas canções.
Melodias do dia-a-dia esquecidas pelo caminho.
Soa o campanário onde dormem as luzes do pisca-pisca do meu peito.

Voam livres os pensamentos
Dessa alma que é livre.
Que não quer rumo, não quer prumo.

My soul is a bird,
And this bird can not change.

A viagem mais recente

Plágio