quarta-feira, 3 de setembro de 2008

DurAção

São os Atos;
Dentes de porcelana que se quebram diante das palavras
Duras.

É o tempo
Que esvai,
Escorre por entre dedos e calendários,
Mata de Inanição...

A viagem mais recente

algumas notas