segunda-feira, 29 de setembro de 2008

O meu Olhar

Viajo bastante. Sempre que posso, boto o pé na estrada! Aliás, se alguém me perguntar quais são as coisas que mais gosto, responderei sem pestanejar:
- Família, trabalho e viagem.

Este ano passeei pouco. Esta coisa chamada responsabilidade me convida a ficar pelo Planalto Central.

Hoje quero deixar para vocês alguns dos meus olhares mundo a fora.

Beijos

Festas de fim de ano - Bruxelas

Aluguel de Vélos - Bélgica

Torre de Belém - Portugal


Pôr de Sol em Belém do Pará

Mangal das Garças - PA

Corumbá de Goiás

sábado, 27 de setembro de 2008

Solidão

É esta maldita palavra
Que se esculpe em minhas rochas,
Se inscreve em meus papiros,
Abalroa meus dias.

É este cinza solitário
Que toma conta dos meus livros,
Que divide minhas horas,
Alonga minhas noites.

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Festa


Hoje tem samba nos meus olhos,
Ritmo nos dedos,
Suor nos poros;

Tá tudo pronto,
Meu bem,
Só faltam suas mãos,
Seus dedos na minha pele,
Sua boca nos meus lábios,
Todos...

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Semente

Planta a semente, Josefina,
Que a planta cresce.
Quem sabe a muda?
A muda não fala...
Mas entende, falta d'água faz morrer.

Traz a semente, Josefina,
Que o mundo precisa d'ocê.

Ah, mas que inocência a minha,
Gente fina,
Depois de crescida a muda,
Quem se cala é você!

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

DurAção

São os Atos;
Dentes de porcelana que se quebram diante das palavras
Duras.

É o tempo
Que esvai,
Escorre por entre dedos e calendários,
Mata de Inanição...

A viagem mais recente

O tempo....